2.

Câncer hereditário

A avaliação genética de pessoas ou famílias com história de câncer permite identificar aquelas que tem uma síndrome de predisposição a câncer e que, por este motivo, tem risco acima do populacional de desenvolver câncer ao longo da vida. Esta área também é conhecida como oncogenética.

 

Reunimos informações detalhadas sobre a história familiar, hábitos de vida e doenças prévias do indivíduo, o que permite identificar não só a possibilidade de câncer hereditário, mas também calcular o risco de apresentar câncer ao longo da vida. 

Orientamos sobre a necessidade de testes moleculares específicos para câncer hereditário e realizamos a interpretação dos resultados.

Quem precisa ser avaliado?

•Mulheres com câncer de mama antes 50 anos

•Homens com câncer de mama

•Pessoas com câncer colorretal antes de 50 anos

•Mulher com câncer de mama e ascendência judaica Ashkenazi

•Mais dois-três ou mais casos de câncer de mama no mesmo ramo da família

•Mulher com câncer de endométrio antes de 50 anos

•Mulher com câncer de ovário

•Pessoa com mais de um tumor primário (especialmente, se um deles antes de 50 anos)

•Família com 3 ou mais casos de câncer de próstata no mesmo ramo

•Pessoa com câncer de tireóide do tipo medular

•Pessoa com câncer na adrenal

•Pessoa com >5 tumores de pele antes de 30 anos

•Família com melanoma e câncer de pâncreas no mesmo ramo

Barra da Tijuca

Avenida das Américas, 2480 Bl5 sl. 223

Tel: 21-24966125

  • Ícone cinza LinkedIn

© 2017 by Maria Angelica de F. D. de Lima